terça-feira, 5 de Março de 2013






acordai
acendei
de almas e de sóis
este mar sem cais
nem luz de faróis
e acordai depois
das lutas finais
os nossos heróis
que dormem nos covais
acordai!
 

(fernando lopes-graça - acordai, 1946/1960)

Sem comentários: