terça-feira, 24 de agosto de 2010





- temos que aprender a gastar a infelicidade que nos resta



(à flor do mar - joão césar monteiro, 1986)

4 comentários:

ci disse...

um filme melancólico, belíssimo.

José Luís Espada Feio disse...

saúda-se efusivamente o regresso. Os dias com Espiral ganham, inequivocamente, uma outra vertigem. Eu permaneço a banhos, mas trouxe comigo a xafarica bloguística. Esta, coitada, tem passado os dias sem descanso, vendo-lhe ser negado o direito a férias. E não há Inspecção do Trabalho que meta a mão em cima desse sujeito...

Anónimo disse...

ci, também acho/achei : )

José Luís, ou não fosse esta a silly season : )

(filipa)

menina de porcelana disse...

que visão...

:)

(este post é a minha mãe.)