terça-feira, 24 de junho de 2008




angels come and take me
on silver wings
carry me up to the sky
angels come free me
from earthly things
and i'll fly
i'll fly
i'll fly


(lamb - fly, 1999)

4 comentários:

Anónimo disse...

Sis...the perfect one...simplesmente fantástica...todos os dias dá gosto de vir ao teu blog com expectativa e surpreender-me...continua...kiss

RJ

Anónimo disse...

tu e os anjos, maria jubina...
:)
(filipa)

Gunter Grass Maravilhoso disse...

Tal é o saber da minha Rata. Clama, que até faz eco: - No princípio era a proibição! Pois quando o Deus dos homens disse, vociferando de raiva: Quero mandar sobre a Terra um dilúvio de água para dar cabo de toda a carne onde haja um sopro de vida, foi-nos expressamente proibido entrar a bordo. Não nos deixaram passar quando Noé transformou a sua arca num zoo, se bem que o seu Deus castigador, em cujas graças ele caíra, tenha claramente dito lá do alto: de todo o animal limpo tomarás para ti sete e sete, o macho e a sua fêmea, pois que farei chover sobre a Terra quarenta dias e quarenta noites e apagar da face da Terra todos os seres que fiz. Pois arrependo-me da minha obra.

Anónimo disse...

gunter grass, andas com pouca fé no bicho humano...
vá lá, desencana, que a vida é bacana!
e podemos sempre brincar com as conchinhas na areia e esquecermo-nos do dilúvio...
(filipa)